Convênios Notícias

‘Olhos D’Água’ recupera mais 50 nascentes em Colatina

Todas as 50 nascentes localizadas na microbacia dos rios São João Grande e São João Pequeno, no distrito de Itapina, em Colatina (ES), hoje estão protegidas e em processo de recuperação. O trabalho foi realizado nos últimos três anos pelo Instituto Terra, a partir de convênio firmado com o Sindicer – Sindicato das Indústrias de Olaria da Região Centro Norte do Estado do Espírito Santo, por meio do Ministério Público do Estado do Espírito Santo, e com a parceria do Instituto Federal do Espírito Santo – IFES Itapina.

As ações de recuperação de nascentes realizadas em Itapina integram o programa Olhos D’Água, desenvolvido desde 2010 pelo Instituto Terra e que tem como objetivo maior a proteção de todas as nascentes da Bacia Hidrográfica do Rio Doce, estimadas em cerca de 375 mil. Para a recuperação das áreas de mata ciliar no entorno das 50 nascentes, o Instituto Terra forneceu 30 mil mudas de espécies nativas da Mata Atlântica, produzidas em seu viveiro localizado na RPPN Fazenda Bulcão, em Aimorés (MG).

O projeto realizado em Itapina beneficiou diretamente 29 propriedades rurais, que são as pequenas unidades produtivas onde estão localizadas as 50 nascentes e que estavam em diferentes estágios de degradação quando do início do projeto.

Conforme prevê a metodologia do programa Olhos D’Água, os 29 produtores que aderiram à iniciativa participaram ativamente da execução do processo de proteção, recebendo assistência técnica e todos os insumos necessários para cercar as nascentes e realizar o plantio de mudas nativas no entorno das mesmas. Além disso, técnicos do Instituto Terra realizaram um estudo georreferenciado sobre as condições ambientais de cada unidade rural atendida.

O resultado desse estudo é entregue a cada produtor participante, identificando as situações críticas nas diferentes áreas da propriedade atendida, bem como propondo ações para o uso futuro do solo, de acordo com o novo Código Florestal Brasileiro. “Com base nesses levantamentos, é possível, por exemplo, definir quais as áreas da propriedade que podem ser utilizadas para atividades agrícolas e para a criação de gado, e quais as áreas que devem ser designadas para a proteção dos recursos naturais, com especial atenção para as áreas em que as nascentes estão localizadas”, explica Adonai Lacruz, superintendente Executivo do Instituto Terra.

6 Replies to “‘Olhos D’Água’ recupera mais 50 nascentes em Colatina”

  1. I found them to be helpful, professional and provide prompt service where to buy priligy

  2. cialis for sale Sildenafil is the original and still best-known treatment for erectile dysfunction

  3. does clomid cause weight gain Tissue distribution of 14CZuclomiphene related radioactivity was also investigated following a single oral administration of 14CZuclomiphene citrate to male pigmented C57 Black mice Group 2.

  4. So I say YES, for me, it helps you to lose weight. where can i get nolvadex Proper timing of LSC is essential because of the potential therapeutic effect of HSG.

  5. Extended antibiotic treatments may cause considerable harm, even fatal complications have been reported 18, 19. treatment for lyme disease doxycycline Three veterinarians based in Southeast Asia with experience in poultry medicine were independently asked to score the frequencies of 25 common chicken infectious diseases in the region.

  6. video slots casino aol slots lounge games free aristocrat
    free slots playkcbirdslots

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Translate »
X